ABC Sustentável

Com tantos conceitos no mundo da sustentabilidade, às vezes fica um pouco difícil perceber qual o mais correto no meio das conversas. Mas aqui no Mercado Orgânico estamos atentos a tudo e trazemos as medidas certas de cada palavra. Tomem nota:

Ecológico

É relação dos seres vivos entre si e com o meio em que vivem. Está ainda relacionado à proteção do ambiente, sendo o que protege ou não prejudica o ambiente.


Sustentável

Somos todos nós, certo? Mas a sua definição é: algo que é realizado de forma a não esgotar os recursos naturais nem causar danos ambientais.


Sustentabilidade

Um mantra diário que define o conjunto de práticas que garantem os direitos do ser humano, satisfazendo as necessidades presentes e futuras, sem causar danos irreversíveis no ecossistema e sem comprometer o futuro das gerações vindouras.


Ecofriendly

Trendy e cool são todos os produtos do Mercado Orgânico e todos os hábitos que não causam danos socioambientais ou tem impactos reduzidos em comparação a um produto, evento, situação ou postura equivalente.


Biológico

É um método de produção alimentar em que não se recorre ao uso de pesticidas ou aditivos químicos, em suma ótima seleção de frescos.


Orgânico

O par perfeito do nossa Mercado, é o produto ou método de produção agrícola em que não se utilizam pesticidas ou outros produtos químicos.


Vegetarianismo

Entre muitas variedades, é um sistema alimentar que exclui a proteína animal da alimentação e apenas contempla o consumo de vegetais (legumes, frutas, grãos, etc.) Porém à diversidade e exceções como o caso dos ovolactovegetarianos que incluem ovos e derivados de leite na alimentação. Alguém se acusa por aí?


Veganismo

Vai além da alimentação, sendo uma ideologia que se opõe ao uso e ao consumo de produtos animais e que condena qualquer atividade que envolva algum tipo de exploração animal. Junta-se a seleção nutricional que exclui qualquer alimentos de origem animal (carne, peixe, ovos, leite, etc.) e qualquer derivado destes ou que inclua os mesmos na sua produção.


Desperdício

Por nós,https://www.simbiotico.eco/ecospot/movimento-lixo-zero-portugal definíamos o desperdício como um grande problema, mas o dicionário insistiu na definição mais lata como sendo o ato ou efeito de desperdiçar; uma despesa inútil e a utilização não proveitosa ou má aplicação de algo. Podem ler um pouquinho mais sobre desperdício neste post.


Zero Waste (Zero Desperdício)

É o máximo aproveitamento e encaminhamento correto de resíduos recicláveis e orgânicos para que deles resulte nenhum desperdício. Em suma: usar até não haver mais criatividade para um recurso.


Por trás deste conceito, temos a sua meta de filosofia que passa por práticas éticas, económicas, eficientes e visionárias que incentivem os ciclos naturais sustentáveis até ao ponto em que todos os materiais são pensados e produzidos de maneira a permitir a sua recuperação e uso pós-consumo.


Mas sobre isto, ninguém melhor para nos explicar tudo que o movimento @LixoZeroPortugal ou este artigo.


Cadeia de Distribuição Curta

Cadeia de abastecimento que envolve um número limitado de operadores económicos empenhados na cooperação, no desenvolvimento económico local e relações geográficas e sociais estreitas entre produtores, transformadores e consumidores.


A cadeia do produto é transparente: o consumidor conhece a origem do produto e forma como foi produzido. Existe proximidade geográfica entre a origem dos produtos e o local de venda ao consumidor final.

Biodegradável

É quando um produto pode ser decomposto por ação de microrganismos, especialmente bactérias e por consequente mais amigo do ambiente.


Compostagem

Uma ótima ideia para fazermos em casa uma vez que é um processo natural que permite na decomposição biológica de resíduos orgânicos, do qual resulta um produto (composto) usado como adubo. O match perfeito para a nossa mini-horta.


Compostável

Tudo o que pode ir para o contentor da compostagem e, neste sentido, convém ter muita atenção ao compostor que escolhemos e o que pode ou não ser adicionado.


Reciclável

Algo que se pode reciclar; que pode ter nova utilização, geralmente depois de sofrer uma transformação ou reconversão por processos específicos.


Embalagens: https://www.pontoverde.pt

Medicamentos: https://www.valormed.pt/intro/home

Óleos Alimentares: https://apambiente.pt/

Eletrónicos: https://www.electrao.pt/rede-electrao/

Pneus: https://www.valorpneu.pt

Guarda Chuvas: https://r-coat.com


O projeto https://www.ondereciclar.pt através de gps encontra os pontos de recolha mais próximo de ti.


Reutilizar

Conhecem a expressão do lixo ao luxo? É reutilizar: dar vida ao que, aparentemente, iria para o lixo (reciclagem) mas que conseguimos dar uma nova vida sem grandes processos de modificação. Uma lata de café que virou um vaso, por exemplo.


7R's da sustentabilidade

Repensar

Recusar

Reduzir

Reaproveitar

Reutilizar

Reciclar

Recuperar


Plastic Free July

Iniciativa que influencia as pessoas a agirem de maneira efetiva para diminuir o consumo de plásticos. Conhece mais sobre esta iniciativa aqui


Pegada Ecológica

Quantidade de terra e água necessária para manter o estilo de vida de uma pessoa ou de uma população, calculada com base nos recursos consumidos por essa pessoa ou grupo no seu dia a dia e pelos resíduos que produz.


Queres conhecer a tua pegada ecológica? Espreita aqui.


Energia Renovável

Energia explorada a partir de forças naturais como o vento, as marés, o sol e a água e que provém de fontes inesgotáveis podendo renovar-se. Gostas deste tópico? Conhece mais aqui.


Dióxido de Carbono

Vamos simplificar a ciência? Então DIO + ÓXIDO = dois átomos de oxigénio e o carbono acrescenta mais um para formar este composto químico. É essencial à vida no planeta, visto que é um dos compostos essenciais para a realização da fotossíntese - processo pelo qual os organismos fotossintetizantes transformam a energia solar em energia química. E é esta energia que depois é distribuída para todos os seres vivos por meio da teia alimentar. Este processo é uma das fases do ciclo do carbono e é vital para a manutenção dos seres vivos.


E para quem gosta de saber mais sobre ciência, podem ler tudo sobre Dióxido de Carbono aqui.


Pegada Carbono

É a nossa sombra tendo em conta a quantidade de dióxido de carbono libertado para a atmosfera como resultado das nossas atividades diárias, ou de uma organização ou comunidade, calculada durante um determinado período.


Camada Ozono

Esta definição é só para quem esteve muito pouco atento nas aulas de Estudo do Meio. A Camada de Ozono é a zona da estratosfera terrestre onde existe uma elevada concentração de ozono, que absorve a maior parte da radiação ultravioleta vinda do Sol (e que, se não fosse parcialmente retida, com certeza não estaríamos a definir tantos conceitos umas vez que afetaria de forma severa todas as formas de vida do planeta)


Alterações Climáticas

Conjunto de mudanças significativas e duradouras no padrão climatológico do planeta ou de uma dada região (em especial, as que decorrem do aumento dos níveis de dióxido de carbono e de outros gases na atmosfera, em resultado do uso de combustíveis fósseis).


Combustíveis Fósseis

Os combustíveis fósseis são o petróleo, o carvão mineral e o gás natural, todos provenientes da decomposição de seres vivos. O pior disto é que contêm uma alta quantidade de carbono, usados para alimentar a combustão. São usados como combustíveis, o carvão mineral, gás natural e o petróleo.


Energia Fóssil

A energia fóssil é proveniente da combustão de combustíveis fósseis. Estes são formados a partir da decomposição de organismos, como restos de plantas, animais e outros seres vivos. Esse processo de decomposição leva milhões de anos para acontecer. Para isso, são necessárias determinadas transformações físicas e químicas. Tipos de Energia Fóssil: Petróleo, Carvão Mineral e Gás Natural.

O uso da energia fóssil tem um grande impacto negativo, tanto para o ambiente como para a saúde humana. Isto porque a sua combustão liberta poluentes atmosféricos e gases com efeito de estufa. Estas são as principais desvantagens do uso da energia fóssil:

  • Chuva ácida.

  • Agravamento do efeito de estufa e de outras alterações climáticas.

  • Problemas respiratórios e cardiovasculares.

  • Destruição da camada de ozono.


Solos

Ás vezes esquecemo-nos da sua importância, mas a gestão sustentável dos solos contribui para outros importantes objetivos, como é o caso da adaptação às alterações climáticas e a mitigação dos seus efeitos, a promoção da biodiversidade e o combate à desertificação.


ODS

Sigla Objetivos Desenvolvimento Sustentáveis. Conhece os 17 objetivos aqui


Tens curiosidade em conhecer mais palavras chaves deste maravilhoso mundo da sustentabilidade? Partilha connosco que teremos todo o prazer em esclarecer a tua curiosidade!


Um beijinho da Esperança

3 visualizações

Posts recentes

Ver tudo